Por André Valente Baetas, residente de Medicina de família e Comunidade pela Unicamp

Estamos aqui, por você e seus parentes
Na Atenção Primária, na linha de frente
Enquanto aguardo o próximo, na sala de isolamento
O silêncio das paredes sussurra em meu pensamento

O óculos embaça minha visão
A touca abraça minha mente
A máscara me faz sentir a própria respiração
O avental deixa o corpo mais quente
Luvas me distanciam de quem me dava a mão

Sinto falta das crianças saltitantes
E do tum tum da barriga das gestantes
Penso nas glicemias, sem o ajuste de insulina
E nos colesteróis, sem o aumento da estatina

Onde estão as queixas corriqueiras que batiam minha porta?
Também estariam isoladas?
Ou é a boca dos meus pacientes
Quem agora sofre calada?

“COF COF” Está vindo mais um respiratório
Por favor entre, e feche a porta do consultório
(…)
O senhor ficará em isolamento domiciliar por 14 dias
Com as devidas precauções, assim como sua família

A cada dia aumentam os casos
A Pandemia vai se tornando mais presente
Fique em casa, estaremos aqui
Na Atenção Primária, na linha de frente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s