Bênção

por Artur Mendes

    Resultado de imagem para benzedeira

Quando eu estava entrando na adolescência Dona Firmina, beata que era nossa vizinha de frente, apareceu certo dia me presenteando com um terço azul.

_ É bento pelo padre… _ explicou

Agradeci, claro. Contudo, embora as expectativas de Dona Firmina com meu futuro fossem as melhores, acho que se arrependeu quando os anos a fizeram perceber que, para a desgraça dos anjos, as noites de aventuras me atraiam mais que as alcovas do seminário. Deve ter imaginado que eu não tinha salvação, mas aí já era tarde: o presente estava dado… Não consegui jamais ter uma rotina religiosa e o tercinho azul restou perdido em alguma gaveta da vida.

Anos depois, já médico trabalhando, eu me encontrava regularmente com outra dona Firmina. Portadora de um quadro mental grave, nunca usava os medicamentos e sempre dizia estar pior que no atendimento anterior. Para mal das coincidências, essa Firmina era tão religiosa quando aquela.

Um dia, depois do atendimento, logo depois de se levantar, fez um pedido diferente:

_ Posso rezar em você?

Com o estranho do pedido, só pude aceitar. Alguns minutos depois de vários sinais da cruz e palavras ininteligíveis, dona Firmina pareceu terminar seu intento.

_ Era para que a reza?

_ Para ajudar o senhor a me curar. Meu caso é muito difícil…

Ainda sem saber qual a reação correta, arrisquei:

_ E está dando certo?…

Ela passou a mão vasculhando o corpo e alma e deu um resposta decidida:

_ Parece que sim.

E qual um ruflar de asas, num abre e fecha de portas ela sumiu pelo corredor, como tantas vezes, mas agora me deixando com a impressão de ter sido abençoado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s