Coisas do coração – parte 1

por Carolina Reigada

Resultado de imagem para coisas do coração

Dia normal de uma UBS normal.

 

Paciente normal, com uma história atípica para um jovem de 30 anos:

“Estava internado porque enfartei”

 

Depois do meu susto de médica normal, perguntei se isso costuma acontecer na família dele

Ele respondeu que para ele, é assunto usual:

“Meu irmão e meu tio infartaram e morreram antes dos 40 anos”

 

Uau

Susto normal ou anormal, pelo jeito depende de quem escuta.

 

Veio então a queixa normal:

“Vim aqui porque estou com dor no peito”

Pensando na queixa normal, fiz a pergunta usual:

“Onde, pra onde, com que melhora, com que piora”

Recebi respostas vazias de alma e rasas de significado.

 

Pensando na história inusual, fiz a pergunta que queria saber:

“Dói igual quando você infartou?”

Resposta atípica a uma pergunta quase comum:

“É! Aquela dor de saudade forte, que aperta o peito e esmaga tudo.”

 

Infarto

É um coração que morre um pouco de saudade

Saudade

É uma saudade que mata um pouco um coração

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s