Ela, passarinho

por Carolina Reigada

Resultado de imagem para passarinho livre

Éramos eu e um aluno no consultório.

Ela entrou sorridente, de vestido branco vaporoso, acompanhada de um homem.

“Dra, volteeei!”

“Olá, como está a sra?”

“Livre! Livre!”

Lançou os braços ao ar, e a bunda na cadeira.

“Pode sentar”, falei ao homem que vinha, mais tímido, atrás dela.

Todos acomodados. Ela não esperou minha pergunta.

“Tive que trazer meu marido. Vocês me libertaram.”

“Nossa. Que bom! Mas que aconteceu?”

“O omeprazooool, dra! O omeprazol!”

É uma paciente de 64 anos, que há 8 anos tomava, seguindo prescrição médica, 2 comprimidos de omeprazol, 2 vezes por dia. Para refluxo.

“Desde que vocês diminuíram a dose, durmo melhor, as pernas não doem, tudo melhor.”

“E olha que esse remédio foi passado por um cirurgião caro, no Rio!”, disse o marido.

“E o refluxo, voltou?”, eu quis saber.

“Refluxo? Nada! Dra, vamos continuar diminuindo?”

“Vamos!”, eu disse sorrindo.

“Que bênção! Livre! Livre!”

E foi nessa hora que, pela primeira vez, uma paciente virou passarinho e saiu voando pela janela.

Um comentário sobre “Ela, passarinho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s